REGRAS

Regras para Juízes

Tabela de Conteúdo

REGRA 28

Os juízes devem apresentar por escrito qualquer queixa que eles(as) tenham contra os competidores ou provas, para o Diretor Executivo da ANCA/NCHA, sem a necessidade de pagamento de taxa, e o caso será analisado pelo comitê apropriado. A reivindicação de um juiz pode ser entregue através dos Correios ou entregue pessoalmente dentro de sete (7) dias após a alegação da regra violada.

Todas as reclamações de conduta relacionadas a qualquer juiz da ANCA/NCHA serão direcionadas ao Diretor de Juízes, precisarão ser por escrito e entregues junto com o pagamento de US$200 dentro de sete (7) dias após a alegação da regra violada. Uma reclamação de conduta referente a um juiz da ANCA/NCHA também pode ser feita a partir de qualquer pessoa do departamento de juízes ou da organização da prova sem a necessidade de efetuar pagamento para iniciar a tal reclamação.

a. Se depois da revisão e investigação da reclamação, o Diretor de Juízes está certo de que a violação da regra ocorreu, ou que o juiz tenha apresentado uma conduta que é inconsistente com o privilégio e a honra de ser um juiz oficial da ANCA/NCHA, o Diretor de Juízes pode aplicar a ação disciplinar que determinar apropriado, incluindo a anulação temporária ou permanente de todos os privilégios de juiz oficial. Essa ação disciplinar será efetivada imediatamente independente de qualquer recurso que pode ser tomado. O juiz será notificado da ação tomada por escrito. A decisão do Diretor de Provas será final e obrigatória a menos que um aviso escrito de um recurso de intenção de juiz seja recebido no escritório da ANCA dentro de 10 dias após o envio da carta notificando o juiz da ação disciplinar tomada.

b. Uma vez começado uma prova de apartação aprovada ou realizada pela ANCA/NCHA, a organização da prova não está autorizada para dispensar um juiz por nenhuma razão relacionada ao julgamento e a responsabilidade dele. A organização da prova pode, contudo, dispensar um juiz por má conduta no local do evento, seja por embriaguez, linguagem imprópria, etc. Um juiz pode ser dispensado por qualquer razão pelo Diretor de Juízes, ou pelo Diretor Executivo da ANCA/NCHA, que na opinião dele, seja o melhor interesse da Associação.

c. Se um recurso for recebido dentro do prazo no escritório da ANCA, uma sessão será agendada para determinar se houve a violação da regra; caso for confirmada, determinar qual ação disciplinar deverá ser tomada contra o juiz. A sessão será conduzida conforme o estatuto da Associação.

 


Anterior | Próxima

 
PARCEIROS












LINKS








 
Praça Amador Bueno Florence, 274 Ap. 4 - Largo São João, Espírito Santo do Pinhal - SP - 13990-000
Fone: (19) 3651-5362 / (19) 99904-1191 / (19) 99617-2369